Como controlar as emoções para realizar conversas eficazes?

O momento da entrevista pode ser um grande desafio para os candidatos. Não é à toa que é um dos assuntos mais pesquisados no Google no que diz respeito aos processos seletivos.

A busca pela recolocação profissional ou novas oportunidades pode fazer com que os candidatos fiquem tensos, nervosos e ansiosos para o momento da entrevista. Pensando nisso, a Acelera RH elaborou este material a fim de apresentar dicas de como controlar as emoções para construir boas conversas.

Para que pensamentos negativos não atrapalhem o andar da entrevista, o candidato precisa estar preparado para todos os cenários. O importante é ter em mente que cada entrevista é um momento de aprendizado.

Durante a entrevista o recrutador seguirá seu próprio roteiro, e atualmente, muitas empresas estão fazendo perguntas inovadoras, fugindo do script padrão. Recomendamos que o candidato não pesquise exemplos de perguntas feitas nas entrevistas no dia anterior. É fundamental que ocupe sua cabeça com outros assuntos, controlando a ansiedade.

Assim como em qualquer apresentação, é importante se preparar. Revisar o currículo é uma boa prática para verificar o que deve ser enfatizado no momento da entrevista, como por exemplo, reconhecer conquistas e aprendizados. Isso fará com que o candidato fale com propriedade sobre suas experiências, sentindo-se mais confiante e seguro.

Pesquisar sobre a empresa é essencial, buscando identificar seu propósito e como se posiciona frente aos seus clientes. Essa prática contribuirá para a argumentação durante a conversa com o recrutador.

Em decorrência da pandemia do COVID-19, as empresas estão realizando entrevistas de emprego de forma virtual. Para evitar qualquer problema, é necessário se familiarizar antes com a plataforma que será utilizada durante o bate-papo.

Por fim, no dia da entrevista, é recomendado verificar se o sinal de internet está adequado e se o dispositivo escolhido está carregado e com poucas abas abertas. Além disso, é fundamental viver o momento, demonstrar interesse pela empresa e ressaltar de que maneira poderá contribuir para a empresa.